- Sexta-Feira 07 de Agosto de 2020
  acesse abaixo +
   Notícias +


Salrio novo, melhores preos?

05/02/2009
Fevereiro 5th, 2009

Sal?rio novo, melhores pre?os?
Dos tr?s primeiros posts do ano, dois eu inicei avaliando a tranquilidade com que haviam transcorrido as semanas anteriores no que diz respeito aos pre?os da laranja, no mercado e na ind?stria. Foram semanas de meio de m?s. Nesta, por?m, a expectativa era de melhora nos valores pagos pelos mercadistas, pelo menos. O que pude perceber foi um aumento pequeno e ligeiro no interesse pela fruta, cotada entre R$9,00 e R$11,00 a caixa na ?rvore, dependendo da colora??o dos frutos e dos custos de colheita. Pedidos de R$12,00, por parte dos citricultores, tentando aproveitar o embalo dos sal?rios que s?o pagos no come?o do m?s, eu vi. Mas n?o soube de neg?cios fechados a esse pre?o.
Nos EUA, em meio ?s ondas de frio que amea?am os pomares da Fl?rida, a safra continua, j? tendo sido colhidos 37% dela. As baixas temperaturas ? que d?o, agora, o ritmo para o sobe e desce do suco em Nova Iorque. Ontem, 04/fev, o contrato para mar?o bateu em 75,4 centavos por libra-peso, numa escalada de 3,9% no dia, em virtude das previs?es de mais frio e dos danos, ainda n?o generalizados, tampouco bem determinados, que atingiram frutos, folhas, e pequenas ?rvores em algumas planta?es.
O Minist?rio do Desenvolvimento e da Ind?stria do Brasil reporta a exporta??o de 189.100 toneladas de suco de laranja em janeiro, comparada a 85.400 toneladas um ano atr?s. A exporta??o de dezembro bateu a casa de 191.100 toneladas. Prov?vel efeito da redu??o ? metade do pre?o da tonelada do suco (de US$1.479 em janeiro/08 para US$731 em dezembro/08), valoriza??o do d?lar e pico de processamento da nossa safra, que se atrasou no ano passado.
A Universidade da Fl?rida anuncia que pode apresentar ao mercado, at? o final do ano, um biopesticida para o combate ao psil?deo transmissor das bact?rias causadoras do greening. N?o me lembro de ter lido alguma rea??o do mercado ao uso mais intensivo de inseticidas que o combate ao greening nos imp?e. Mas esta ? uma barreira mercadol?gica em potencial para o nosso produto. Vamos aguardar que este bioinseticida se concretize para n?s tamb?m, aqui no Brasil. Inclusive, que seu pre?o caiba nos nossos or?amentos.
A Secretaria da Agricultura do Estado de S?o Paulo, analisando os resultados da entrega dos relat?rios de inspe??o de pomares, na busca de greening, a cargo dos produtores de laranja, identificou maior ades?o dos mesmos ao programa. 77,68% das propriedades entregaram sua documenta??o at? 15 de janeiro passado. Em que pese o maior cumprimento com sua obriga??o, acredito que, junto ?s autoridades agricolas do Estado e ao Fundecitrus, os citricultores de modo geral deveriam estar, ainda, alertas ? dificuldade que muitos produtores t?m para identificar os sintomas das doen?as fora das salas de aula, nas suas propriedades, pela falta de oportunidade de ver, a campo, os primeiros sinais do greening na ?rvore. Tem muita gente sem saber o que est? procurando quando faz a vistoria, e outros, ainda que n?o a maioria, apenas fazendo relat?rio, sem a efetiva varredura da propriedade. As crises por que passa a citricultura s?o v?rias, e nenhuma nos permite vacilar!

Paulo Sader

Fonte: http://www.agroblog.com.br


<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
 
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2020

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 6016
Total: 2.216.044
Balikesir escort Manisa escort Aydin escort Mugla escort Giresun escort Kahramanmaras escort Yozgat escort Tekirdag escort Isparta escort izmir escort inegol escort Soma escort Igdir mutlu son