- Quarta-Feira 02 de Dezembro de 2020
  acesse abaixo +
   Notícias +


A Ptria e o suco

14/09/2009

Por Fl?vio Viegas

As esmagadoras n?o tiveram grandes dificuldades em convencer as nossas institui?es, executivo, legislativo, judici?rio e grande parte da m?dia de que as ind?strias de suco de laranja s?o uma institui??o nacional e precisam ser preservadas a qualquer custo e a Associtrus e os pequenos e m?dios citricultores representam uma amea?a que precisa ser afastada. (Ser? que ? por esta raz?o que o Lula est? reequipando as for?as armadas?).

N?o importa que a economia dos munic?pios citr?colas se desestruture, que o desemprego e a viol?ncia cres?am, que o patrim?nio nacional seja entregue, na forma de suco, a pre?os vis aos ?importadores?, que bilh?es de d?lares deixem de entrar no pa?s. O que importa ? aumentar o patrim?nio e o poder econ?mico e pol?tico dos 4 ?Cs? e seus aliados estrat?gicos no exterior, ainda que isso venha a gerar mis?ria no Brasil.

O pre?o do suco de laranja a US$1000,00 ou mesmo a US$ 1500,00 por t 65? n?o cobre sequer o custo da mat?ria-prima dos produtores mais eficientes. O custo de uma caixa de laranja est? estimado em torno de US$8; como, para produzir 1t de suco concentrado a ind?stria necessita de 230 caixas, o custo da mat?ria-prima supera US$ 1800.Mesmo considerando que os subprodutos cubram os custos industriais, n?o h? c?lculo que justifique os pre?os que prevaleceram nos ?ltimos anos e a prova est? nas condena?es por dumping que a ind?stria sofreu.

Os pr?prios executivos das esmagadoras concordam que n?o h? justificativas, do lado da demanda, para os atuais pre?os do suco de laranja. Reconhecem que uma redu??o de tal ordem nos pre?os n?o aumenta a demanda: uns culpam a ?briga? entre os ?grand?es?, outros, as perdas financeiras que estariam obrigando duas das empresas a fazer caixa a qualquer custo. Para n?s, trata-se pura e simplesmente de usar o pretexto da crise para acelerar o processo de exclus?o dos citricultores, iniciado em 94/95.

Surpreende-nos ainda mais a capacidade de investimento demonstrada pelas esmagadoras, apesar da aparente falta de rentabilidade. Pelas nossas estimativas, a ind?stria plantou cerca de 90 milh?es de ?rvores nos ?ltimos 15 anos, o que corresponde a um investimento de US$ 1,8 bilh?o de d?lares s? no plantio e condu??o do pomar at? o inicio de produ??o, ao custo de US$20 por planta. Se a esses custos somarmos o valor da terra, o investimento supera US$ 4 bilh?es apenas em pomares! O valor do investimento multiplica-se quando acrescentamos as aquisi?es de concorrentes, as amplia?es de f?bricas, aquisi??o de navios, de terminais, de ?jatinhos?, de helic?pteros, entre muitos outros investimentos. Somente nos ?ltimos tr?s meses foram noticiados tr?s grandes investimentos: a compra de um novo navio; a constru??o de um terminal na Fl?rida, por uma das ind?strias ?brasileiras?, para colocar no mercado internacional o suco produzido l?, apesar de informarem que o mercado est? ?inundado? de suco; e a constru??o de um sucoduto ligando a f?brica do Cutrale ? da Coca Cola.

Estou quase convencido de que devo doar a minha laranja para o bem do Brasil, como fizeram muitos doando suas alian?as na campanha ?Ouro para o bem do Brasil?.

Fonte: JORNAL IMPACTO

Bebedouro/SP


<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
 
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2020

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 847
Total: 2.928.893
Balikesir escort Manisa escort Aydin escort Mugla escort Giresun escort Kahramanmaras escort Yozgat escort Tekirdag escort Isparta escort izmir escort inegol escort Soma escort Igdir mutlu son