- Quarta-Feira 25 de Novembro de 2020
  acesse abaixo +
   Notícias +


Associtrus pede interveno do Ministro no Consecitrus

15/12/2005
O presidente da Associa??o dos Citricultores (Associtrus), Fl?vio Viegas, encaminhou esta semana um of?cio para o Minist?rio da Agricultura, Pecu?ria e Abastecimento (Mapa) e para a C?mara Setorial da Laranja, pedindo interven??o nas discuss?es que envolvem a elabora??o do Consecitrus, f?rmula padr?o que nortearia todos os contratos entre citricultores e ind?strias de suco. H? tr?s meses, as negocia?es foram suspensas, segundo Viegas, por decis?o do presidente da Associa??o Brasileira dos Exportadores de C?tricos (Abecitrus), Ademerval Garcia, que quer aval do Governo Federal para continuar. Viegas ressalva que o Governo Federal e o Cade proibiram padroniza??o de contratos h? mais de dez anos, na ?poca, com o objetivo de evitar a forma??o de cartel. ?Mas, como o Consecitrus n?o quer prejudicar ningu?m, e sim, melhorar a remunera??o do citricultor, estamos tentando que o Cade reveja esta proibi??o e autorize as nossas negocia?es.? At? agora, o Cade se manifestou favor?vel ?s discuss?es sobre o Consecitrus, mas informalmente. Para Viegas, a solu??o ? pedir a interven??o do Ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues. ?J? que o Governo anunciou que pode intervir nas negocia?es do contrato padr?o da cana, por que n?o intervir tamb?m no citr?cola??, questiona o presidente da Associtrus, se referindo ao Consecana, contrato que j? vigora no setor sucroalcooleiro, mas que passa por um processo de reformula??o. Esta semana, Roberto Rodrigues afirmou ? imprensa que se usineiros e produtores de cana n?o agilizarem a apresenta??o da nova f?rmula, o Mapa poder? intervir. Ambos decidiram contratar uma empresa de consultoria para rever a f?rmula e apresentar um novo Consecana at? final de novembro. No caso do Consecitrus, que vai padronizar o pagamento da laranja, uma das propostas discutidas ? que a fruta seja paga de acordo com seu teor de a?car. Hoje, o pagamento ? realizado atrav?s da pesagem da caixa de laranja de 40,8 quilos. Ademerval Garcia foi procurado pela reportagem, para mais informa?es, mas n?o retornou at? o fechamento desta edi??o. Mercado externo Esta semana, os contratos de suco de laranja tiveram forte alta na bolsa de Nova York, com compras de fundos, influenciados, principalmente, pela passagem de furac?es na Fl?rida. Esta semana, a amea?a ? o furac?o Wilma, que ganhou for?a e passou ? categoria 5, a mais perigosa, podendo superar o Rita e o Katrina. O furac?o deve chegar aos Estados Unidos no fim de semana e causar preju?zos na economia americana. Autoridades temem que o Wilma destrua as planta?es de laranja da Fl?rida. O suco de laranja no atacado chegou ao pre?o mais alto dos ?ltimos seis anos nos EUA. (Cr?dito: Fernanda Man?colo - Tribuna Impressa)

<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
 
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2020

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 12027
Total: 2.850.844
Balikesir escort Manisa escort Aydin escort Mugla escort Giresun escort Kahramanmaras escort Yozgat escort Tekirdag escort Isparta escort izmir escort inegol escort Soma escort Igdir mutlu son