- Segunda-Feira 26 de Outubro de 2020
  acesse abaixo +
   Notícias +


Setor pecuário marca mais uma reunião para discutir monopólio dos frigoríficos

28/05/2012

EM 25 DE MAIO DE 2012 AS 20H45

No dia 13 de junho está prevista mais uma reunião do setor pecuário nacional com os órgãos de Defesa da Concorrência para discutir o monopólio das indústrias frigorificas no Brasil.

Fonte: Acrimat

A agenda foi definida na reunião realiza ontem (24) em Brasília entre deputados federais, senadores e produtores rurais com o secretário Direito Econômico do Ministério da Justiça, Vinicius Carvalho. Na pauta a cobrança de providências junto ao governo federal do crescente monopólio no setor de carne com recursos públicos.

“A proposta é frear a concentração do setor das indústrias frigorificas nos estado de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia, provocada com recursos públicos do governo federal, através do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social)”, ponderou o vice-presidente da Acrimat – Associação dos Criadores de Mato Grosso, Jorge Pires de Miranda que participou da reunião. Ele ressalta que “o setor está mobilizado e busca a democratização dos recursos públicos, para que cheguem às pequenas e médias empresas, além de cooperativas, e não apenas para os grandes grupos”.

O presidente eleito da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado federal Homero Pereira (PSD-MT), também ressalta que está situação é prejudicial ao consumidor, ao produtor e à economia brasileira. “O monopólio é proibido pela legislação porque fragiliza a economia, especialmente, em um setor estratégico como alimento. O governo precisa tomar providências para evitar que isso desestruture toda cadeia produtiva da carne”, afirmou o parlamentar.

Durante a reunião foi entregue ao secretário documentos comprovando os danos causados ao setor pecuário com a concentração das indústrias frigorificas. O secretário informou que pedirá ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) que faça notificação às empresas envolvidas, para que apresente explicações sobre a denúncia. Outra questão levada ao Ministério da Justiça é sobre a atuação dos frigoríficos na área de criação de gado em confinamento com recursos públicos. “Seria bom que o BNDES também financiasse os pequenos frigoríficos, melhorando a concorrência no setor e garantindo empregos”, defendeu o senador Waldemir Moka (PMDB).

Na agenda do setor pecuário esta o 2º Movimento Nacional Contra o Monopólio dos Frigoríficos, marcado para o dia 9 de julho, durante a 48a Expaogro, em Cuiabá. O primeiro encontro foi realizado no dia 14 de maio em Campo Grande onde 1.500 produtores participaram.


<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
  Setor pecuário marca mais uma reunião para discutir monopólio dos frigoríficos

" />
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2020

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 9620
Total: 2.650.038
Balikesir escort Manisa escort Aydin escort Mugla escort Giresun escort Kahramanmaras escort Yozgat escort Tekirdag escort Isparta escort izmir escort inegol escort Soma escort Igdir mutlu son