- Segunda-Feira 25 de Maio de 2020
  acesse abaixo +
   Notícias +


Laranja ouro?

05/03/2009

Paulo Sader

O in?cio do m?s, com o pagamento de sal?rios, o calor, a baixa qualidade da fruta nos pomares, deram mobilidade aos mercadistas em busca de laranjas. O pre?o que observei, por?m, n?o diferiu muito do que vem sendo praticado nas ?ltimas semanas. Na ?rvore, R$9,00 a R$10,00/cx. Quanto ao pre?o da ind?stria, os rumores sobre contratos ainda s?o poucos, mas um ou outro j? emerge.
Nesta semana o jornal O Estado de S?o Paulo publicou reportagem sobre a citricultura. Ressalto, dali, as seguintes afirma?es: ?o produtor est? reduzindo os pomares e diversificando a produ??o na propriedade agr?cola?. Esta me parece ser, mesmo, uma atitude inteligente em qualquer setor. ?O sudoeste do estado se consolida como novo p?lo da citricultura paulista?. Mas, por enquanto, isto n?o me faz ter vontade de sair do norte, onde estou instalado com meu pomar. E, por fim, a observa??o do consultor Roberto Salva, sobre a safra que vem, cuja produtividade ser? afetada pelos efeitos das oscila?es clim?ticas, sobretudo nas regi?o norte e centro do Estado, onde veranicos sucederam as chuvas, e as primeiras floradas n?o vingaram: ?Vamos ter a pior produ??o por planta dos ?ltimos dez anos nessas regi?es.? Esta ? uma informa??o relevante a considerar e observar em cada propriedade.
Importante, tamb?m, ? a a??o que o FUNDECITRUS realizar? em mar?o e abril, vistoriando pomares paulistas buscando um quadro real da sua situa??o no que diz respeito ao greening. A vistoria cobrir? 10% dos pomares. Nunca ? demais lembrar que o agendamento de palestras e treinamentos, al?m de visitas de agr?nomos a propriedades e solicita??o de material explicativo podem ser conseguidos, junto ao Fundecitrus, pelo telefone 0800-770-7770.
No mercado internacional, ontem, descobrimos que o suco de laranja n?o ? um neg?cio da China. Junto com o ouro, foi a ?nica commodity cujo pre?o caiu depois que o pa?s asi?tico anunciou seu programa de est?mulo ? economia. Como ponto de honra, s? nos resta a companhia do valioso metal, embora s? na descida!
Nos EUA, a campanha de marketing da TROPICANA, j? referida no post passado, vem se constituindo num grande ?case? para estudo. Um dos pontos da campanha foi a mudan?a na sua tradicional embalagem. Isto provocou rea??o negativa de consumidores, ainda que o produto continue sendo o mesmo ?100% puro suco fresco, nunca de concentrado?. Acrescente-se, ainda, a parte da a??o em que a empresa reserva, para cada embalagem de suco adquirida e cadastrada no seu site, um peda?o de terra em florestas tropicais, amaz?nia brasileira inclu?da, que ser? preservada em nome do consumidor. As ?reas correspondentes a cada embalagem s?o de, aproximadamente, 9 metros quadrados. N?o sei se os objetivos ambientais ser?o atingidos, mas bem que poderia dar resultado para o consumo de suco de laranja. Laranjeiras, que tamb?m s?o ?rvores, ficariam de p?!
Ambientalmente, eu preferia que o Ministro da Agricultura tivesse mais ajuda para efetivar sua simpatia pela incorpora??o das APP?s ?s ?reas de Reserva Legal, como publicou o site da Associtrus na semana passada.

Fonte: http://www.agroblog.com.br/


<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
 
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2020

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 96
Total: 2.044.923
adana escort bayan elazig escort bayan izmit escort bayan yalova escort bayan erzurum escort bayan isparta escort bayan corum escort bayan batman escort bayan agri escort bayan kirsehir escort bayan