- Domingo 07 de Março de 2021
  acesse abaixo +
   Notícias +


Cutrale anuncia que setor discute mudanas na remunerao de citricultores

06/05/2010
Empresa abriu as portas para explicar como as novas regras podem ser adotadas

A Cutrale, maior ind?stria de suco de laranja do pa?s, anunciou, nesta segunda-feira (3), em Araraquara, que o setor est? discutindo uma nova f?rmula para remunerar os agricultores. A empresa abriu as portas para explicar como as novas regras podem ser adotadas. Confira o v?deo ao lado.

A mudan?a vem em um momento em que muitos produtores come?am a colher as variedades precoces da fruta e reclamam que o valor recebido da ind?stria n?o compensa os investimentos.

Os laranjais j? est?o movimentados j? que, por causa do excesso de chuva, a colheita come?ou um m?s mais cedo. A temporada de empregos tamb?m foi aberta.

Apesar disso, o citricultor Lu?s Eduardo Paulino n?o est? otimista. Metade das plantas do seu laranjal foi arrancada por causa do amarel?o, chamado de greening em ingl?s.

Ele diz que deixou de pulverizar os p?s e cortar o mato porque s? teve preju?zo em 2009. No in?cio da passada, recebeu R$ 3,50 por caixa. Agora, a ind?stria est? pagando tr?s vezes mais. ?Esse pre?o n?o alivia o preju?zo dos produtores devido ao baixo valor pago na safra anterior, que j? vinha na safra 2008, que estava em torno de R$ 7 a caixa. N?o tem com amortizar os preju?zos passados?, disse.

O in?cio do processamento na Cutrale foi marcado pela visita dos produtores. A maioria foi ao local pela primeira vez. Eles conversaram com o diretor corporativo Carlos Viacava, que j? foi secret?rio geral do Minist?rio da Fazenda e presidente da Associa??o dos Criadores de Nelore.

Ele negou que o setor dominado por quatro grandes empresas seja cartelizado. ?N?o existe combina??o de pre?os. Tem v?rios tipos de contratos, de modalidades. O citricultor escolhe o que ele quer e, no fim do ano, vai saber qual foi o pre?o de cada um?, explicou.

O encontro foi uma tentativa de aproxima??o entre produtores e ind?stria. Os dois lados concordam que ? preciso mudar o sistema de remunera??o dos agricultores, para evitar grandes oscila?es.

A id?ia inicial ? desenvolver um c?lculo de pagamento parecido com o que j? existe no setor de cana, que leva em conta o rendimento industrial e os pre?os de mercado. ?A partir do momento que h? uma f?rmula de pre?o, para dar seguran?a para os pr?ximos anos, ? bom. Isso est? acontecendo e come?ando efetivamente um bom entendimento disse o presidente do Sindicato Rural de Taquaritinga, Marco Ant?nio dos Santos.

A segunda reuni?o entre ind?stria e produtores para discutir o assunto est? marcada para quinta-feira (6) na Secretaria da Agricultura, em S?o Paulo.


Fonte: EPTV

<<Voltar << Anterior


Indique esta notícia
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
 
  publicidade +
 

Associtrus - Todos os direitos reservados ©2021

Desenvolvido pela Williarts Internet
Acessos do dia: 44
Total: 3.467.843
<